Entenda o Uso da Densidade de Palavras Chave no SEO Aplicando a TF-IDF​​​​​​​

… e o que é a TF-IDF?

TF-IDF é um cálculo estatístico de frequência de um termo pela frequência inversa deste e de outros termos em vários documentos, neste caso, páginas da web. O objetivo deste método é demonstrar a relevância de uma palavra em relação a um conjunto delas em artigos e textos de descrição de Produtos, o resultado esperado é a semântica do texto baseado na semântica da concorrência, aumento de competitividade e consequentemente de posicionamento de páginas web nas buscas. Um ponto a destacar para o sucesso de uma otimização SEO, independente do tipo do seu negócio, é a plataforma de hospedagem utilizada, ela deve permitir o desenvolvimento da estrutura do site, fatores como velocidade e responsividade são as principais causas do insucesso de uma Otimização on page, neste contexto, estando tudo ok, o uso de palavras chave a partir da análise da concorrência na otimização pode fazer a diferença no posicionamento para mecanismos de busca.

São muitos os fatores que levam um site a ter um bom posicionamento orgânico, até pouco tempo atrás, os mecanismos de busca davam muita relevância nas palavras chave como origem para identificar produtos e serviços para entregar conteúdo ao usuário.

Lembrando que, entregar conteúdo ao usuário é o produto final dos mecanismos de busca

Entenda um Pouco o Que é Densidade de Palavras Chave!

São muitos os fatores que levam um site a ter um bom posicionamento orgânico, até pouco tempo atrás, os mecanismos de busca davam muita relevância nas palavras chave como origem para identificar produtos e serviços para entregar conteúdo ao usuário.

Lembrando que, entregar conteúdo ao usuário é o produto final dos mecanismos de busca

Uma das principais estratégias utilizadas até pouco tempo para mostrar os principais termos de um site para os buscadores era a analise e aplicação da “densidade de palavras chave” em pontos estratégicos de otimização tais como Metas Tag, Head line e dentro da <Body> das páginas.

Em resumo, densidade de uma palavra chave é o resultado de quantas vezes um termo aparece em um determinado conteúdo de texto, existem vários artigos que explicam este conceito, como este é um assunto complementar ao que vamos tratar aqui, vou deixar para você pesquisar depois.

Se realmente você não entende o que é densidade de palavra chave, é importante entender, para compreender a TF-IDF, por isso, tomei o cuidado de escolher dois artigos sobre o tema, após esta leitura, veja também o conteúdo do site Marketing Ninja com titulo “Qual é a densidade de palavras chaves ideal de um texto?” ou o artigo “Como Redigir Textos para SEO” do site SEO Maketing para entender melhor!

Por muito tempo, houve um abuso na aplicação da densidade de palavras chave, hoje em dia, com algoritmos mais inteligentes e acompanhados de inteligência artificial, tem-se que tomar muito mais cuidado, existe uma preocupação maior dos buscadores com a semântica dos conteúdos para entregar conteúdo relevante ao usuário.

Talvez você ouça dizer por aí, que os mecanismos de busca não usam mais a densidade de palavras chave como resultado para entregar conteúdo na Serp, você acredita nisso?

O que posso dizer, é que, o uso da densidade de palavras chave como forma de identificar conteúdo continua sendo usada só que de uma forma diferente, agora não basta preocupar-se com densidade, junto com ela, é preciso se preocupar com a frequência que os termos aparecem em um documento e em fatores de otimização em comparação com a concorrência.

Até “ontem”, esta “frequência” era aplicada de forma aleatória, não existia uma regra exata, sempre foi tudo baseado em percepção. Basta uma pesquisa com a frase “quantas palavras em uma página para seo” ou “densidade de palavras chave”, que você verá artigos recentes ainda apontando o conceito como fator que ajuda no posicionamento de sites nos mecanismos de busca.

Estes artigos não estão totalmente errados, estão apenas desatualizados, a diferença é que agora devemos analisar a densidade a partir de uma frequência de volume de termos (palavras chave) em um volume de texto (conteúdo da página).

Esta analise é feita a partir de um cálculo matemático chamado TF-IDF (abreviação de “frequência de termo – frequência do documento inverso”) que é usado para medir a importância de uma determinada palavra-chave em um texto, no nosso caso em uma página web, especificamente dentro da <Body>

Os mecanismos de busca travam lutas individuais contra diversas estratégias que visam de alguma forma interferir na qualidade do seu produto final, lembrando que este produto é a entrega de conteúdo relevante nas pesquisas, em outra oportunidade, poderemos falar sobre algumas, o que sei, é que cada vez mais, os mecanismos de busca estão querendo melhorar seu serviço, e para que isso aconteça, eles vêm aprimorando seus algoritmos com conceitos matemáticos e análises capazes de determinar a semântica de um conteúdo.

Nos últimos anos temos tido várias alterações e criações de novos algoritmos voltados a todas as áreas de busca, não é difícil encontrar artigos falando sobre estas atualizações e o que elas significam.

Saber o objetivo dos principais algoritmos vão te ajudar a entender a aplicação da TF-IDF.

Influência dos Algoritmos no Uso da TF-IDF para o SEO

Principais Algoritmos

  • Panda 2011 a 2015
  • Pinguim 2012
  • Hummingbird 2013
  • Pigeon 2013
  • Mobili Friendly 2015
  • Rankbrian 2015
  • Possum 2016
  • Freed 2017

Os mais conhecidos são o PINGUIM criado em 2012 e o PANDA em 2011 com atualizações conhecidas até 2015 (será que parou ?).

Outros que fizeram barulho foram o HUMMINGBIRD criado em 2013 que serviu como uma confirmação de tendência, em resumo, ele tem a capacidade de entender os conceitos e as relações entre palavras-chave, no mesmo ano, para completar, surgiu o PIGEON que deu maior relevância para termos com palavras-chave de cauda longa, isto porque os usuários estão cada vez mais fazendo buscas por meio da voz.

Em 2015 tivemos duas noticias sobre algoritmos, tivemos a criação do MOBILI FRIENDLYpara dispositivos móveis e o RANKBRIAN que trouxe a inteligência artificial e o aprendizado de máquina para os resultados mostrados na SERP.

Criações e atualizações de algoritmos sempre irão ocorrer, as duas últimas atualizações conhecidas foram o Possum criado em 2016 com foco nas buscas locais e recentemente o algoritmo FRED em 2017 que tem o conteúdo genuíno e bem estruturado como foco de para análise de conteúdo para entrega ao usuário.

Perceba uma coisa importante, depois dos algoritmos Panda e Pinguim, todos os algoritmos criados visam de alguma forma o comportamento e a relevância para identificar e entregar conteúdo ao usuário.

Baseado nestes dois pontos chave e especificamente nos objetivos dos algoritmos HUMMINGBIRD (semântica) e RANKBRIAN (IA) foi que surgiu o uso do cálculo da frequência de um termo especifico dentro de um documento (TF) com a frequência com que uma palavra-chave é usada em uma coleção de documentos (IDF), a inversão da frequência é uma métrica de correção que busca reduzir a importância dos artigos e de palavras menos importantes e dar mais destaque a palavras significativas.

TF – Frequência de um termo especifico dentro de um documento.

IDF – Frequência com que uma palavra-chave é usada em uma coleção de documentos

Como Funciona a TF-IDF na Prática para SEO

Ao contrário da densidade de palavras-chave que olha apenas o número de vezes que um termo é usado, independente do tamanho do documento (texto), a TF-IDF analisa um conjunto maior de páginas (sua em relação a concorrência) e tenta determinar a importância de uma ou mais palavras-chave entre seu conteúdo e dos melhores posicionados que disputam os principais termos do seu negócio.

Realmente não algo muito simples de entender, mas vamos lá … veja este exemplo!

Por exemplo, na busca por manutenção de geladeira o termo Conserto de Geladeira é mais importante que Torneira para filtro de geladeira, isto acontece porque nem toda geladeira tem Torneiras para filtro. Por este motivo, o termo, “conserto de geladeira”, será usado em um conjunto maior de páginas que falam sobre o assunto. Este resultado é exatamente o que esta metodologia pode apurar!

A mágica está em usar a metodologia olhando para as estatísticas de uso de palavras-chave de um grande número de concorrentes, com o uso da TF-IDF, é possível avaliar quais são as palavras-chave mais importantes e relevantes para o seu tópico, identificar qual delas é usada na sua página corretamente, tanto quanto os motores de busca esperam que seja, e quais termos estão sendo usados pouco ou muito. Olha ai a densidade sendo apurada em favor do resultado da TF-IDF, isto é, a partir da frequência do termo em um documento!

Ainda em 2014 o Google menciona o TF-IDF como ferramenta de análise de conteúdo, veja este artigo “teaching-machines-to-read-between-lines

Esta é a prova que o Google já é conhecido por usar o cálculo da TF-IDF na análise e entrega de conteúdo, dai supor que o uso pode facilmente se estender para indexação e posicionamento de sites é bem fácil, o que você acha?!

Entenda mais sobre a TF-IDF e semântica!

Para entender sobre a TF-IDF acesse > Como Calcular a TF-IDF

Para entender mais sobre semântica acesse > O que é Semântica de Texto!

O Que Podemos Concluir?

Existem fatores de otimização que de uma forma ou de outra nunca irão acabar, e a densidade de palavras chave, bem como o seu uso, é uma delas!

O que esta acontecendo agora é que a densidade de palavras chave precisa ser usada com uma determinada frequência em um contexto semântico e com base na concorrência., simples não?

Para que seu negócio on line esteja afinado com esta nova forma de expor conteúdo, é preciso alinhar os principais pontos de oferta do mesmo, é extremamente importante observar o uso apropriado de termos e de palavras exatas relacionadas em um Documento e de acordo com a concorrência para aumentar a competitividade, evitar estufar suas páginas e metas tag, duplicar conteúdo, etc, é o ideal!

Você encontrou este artigo bem posicionado nas buscas? Eu já estou aplicando esta metodologia em meus clientes e é claro, em meu site também, inclusive, apliquei neste artigo!

Bora pesquisar a aplicação da TF – IDF?

Se você pesquisar um pouco verá que da para criar um sistema de cálculo de frequência com planilha do excel, só sei que deve dr um trabalho do cão …. kkkkkk

Quer saber qual é o sistema que uso?

Especificamente para a aplicação da TF-IDF conheça este software, para saber mais acesse > Website Auditor da Seo Power Suite

Veja Também

PRECISANDO DE AJUDA?

Nosso Contato – Clique AQUI

Abç e até a próxima! Artur Marcondes 05/08/2018

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s